Posts Marcados: infância

Bruxa por Sheila Boesel

A idade certa *

1931 – Vamos voltar, esqueci a Rita. – Que Rita? – Minha boneca. – A tia Olívia te dá outra. – Quem é a tia Olívia? – É a mulher do tio Fortunato. – Onde nós vamos? – Pra casa

Bruxa por Sheila Boesel

A idade certa *

1931 – Vamos voltar, esqueci a Rita. – Que Rita? – Minha boneca. – A tia Olívia te dá outra. – Quem é a tia Olívia? – É a mulher do tio Fortunato. – Onde nós vamos? – Pra casa

Caput

Se o cheiro é memória pesada, para mim não é a perfumaria a culpada, os odores da comida são quem mantém a balança sempre em desequilíbrio, a cozinha o espaço que acende diversas imagens de minha infância com meu pai.

Caput

Se o cheiro é memória pesada, para mim não é a perfumaria a culpada, os odores da comida são quem mantém a balança sempre em desequilíbrio, a cozinha o espaço que acende diversas imagens de minha infância com meu pai.

Rafeiro

Quatro patas peludas nunca fizeram parte da rotina até ancorarmos a vida na casa de nossos avós maternos. Na verdade, existiu um filhote de cão que compartilhou alguns dias de sua existência conosco, o chinelo voador de minha mãe encontrando

Rafeiro

Quatro patas peludas nunca fizeram parte da rotina até ancorarmos a vida na casa de nossos avós maternos. Na verdade, existiu um filhote de cão que compartilhou alguns dias de sua existência conosco, o chinelo voador de minha mãe encontrando

Três por dois

Não era possível pensar em outra coisa enquanto percorríamos a grande avenida, seus contornos uma esquálida manequim, casas e árvores plantadas nas margens retilíneas, um trânsito que só piorou com o passar dos anos. É uma das mais extensas da

Três por dois

Não era possível pensar em outra coisa enquanto percorríamos a grande avenida, seus contornos uma esquálida manequim, casas e árvores plantadas nas margens retilíneas, um trânsito que só piorou com o passar dos anos. É uma das mais extensas da

Tem um planeta atrás da estrela vermelha

Você não acreditaria se tivesse visto com seus próprios olhos. Também não acreditaria no pulo que o astrônomo, um nome chique que alguns cientistas preferem, levou quanto mirou seu gigante telescópio para um ponto meio perdido no céu. Sabe como

Tem um planeta atrás da estrela vermelha

Você não acreditaria se tivesse visto com seus próprios olhos. Também não acreditaria no pulo que o astrônomo, um nome chique que alguns cientistas preferem, levou quanto mirou seu gigante telescópio para um ponto meio perdido no céu. Sabe como

Boneca de pano por Yana Ray

Noemi sabe contar

Noemi sabia contar até sete. Uma pedrinha no saquinho: o dia passou rápido porque tio Fortunato contou uma história bonita ou tia Olívia fez doce de figo. Uma pedra maior: o dia foi comprido demais, muita saudade da mãe, do

Boneca de pano por Yana Ray

Noemi sabe contar

Noemi sabia contar até sete. Uma pedrinha no saquinho: o dia passou rápido porque tio Fortunato contou uma história bonita ou tia Olívia fez doce de figo. Uma pedra maior: o dia foi comprido demais, muita saudade da mãe, do

Memória Implacável

Quem bate esquece; quem apanha, não. Mas eu não aceito. Como você não se lembra de mim? Você mal entrou na sala… está tão diferente, salto alto, cabelo preso, óculos. Óculos, você achava tão engraçado, mas agora eles te dão

Memória Implacável

Quem bate esquece; quem apanha, não. Mas eu não aceito. Como você não se lembra de mim? Você mal entrou na sala… está tão diferente, salto alto, cabelo preso, óculos. Óculos, você achava tão engraçado, mas agora eles te dão