Arquivos da categoria: Sandra Regina Santos

Olho o teu olho nunca me senti tão em casa Então, comigo casa?

Olho o teu olho nunca me senti tão em casa Então, comigo casa?

Hai cai – parte 5

Lição Saber como gostar de alguém!? Isso é coisa, meu bem, Que até os animais têm.

Hai cai – parte 5

Lição Saber como gostar de alguém!? Isso é coisa, meu bem, Que até os animais têm.

Haicais – parte 4

De pé, na areia se vê o mar ser palco do balé de baleia. Estranha e torta árvore da montanha imita natureza morta.

Haicais – parte 4

De pé, na areia se vê o mar ser palco do balé de baleia. Estranha e torta árvore da montanha imita natureza morta.

Haicais – parte 3

Última luz do dia, lança beleza na nuvem de algodão por que no meu espelho não? ———– No azul do céu nuvem branca desenha um enorme véu.

Haicais – parte 3

Última luz do dia, lança beleza na nuvem de algodão por que no meu espelho não? ———– No azul do céu nuvem branca desenha um enorme véu.

Haicai cais – parte 2

Amor de pingüim só um assim pra me livrar de sina ruim. Quem parte de viagem Nunca traz de volta a mesma bagagem. Também enfeita natureza à mão do homem feita. Fica coisa perfeita.

Haicai cais – parte 2

Amor de pingüim só um assim pra me livrar de sina ruim. Quem parte de viagem Nunca traz de volta a mesma bagagem. Também enfeita natureza à mão do homem feita. Fica coisa perfeita.

Haicais cais

Onda, onda, tanto vai e vem no mar fazendo a ronda. ——————– No frio inverno árvore nua espera vestir primavera. Montanha branca de neve te enfrentar veloz na descida quanto louco se atreve!

Haicais cais

Onda, onda, tanto vai e vem no mar fazendo a ronda. ——————– No frio inverno árvore nua espera vestir primavera. Montanha branca de neve te enfrentar veloz na descida quanto louco se atreve!

Lavanda

Lavanda lembra meu pai. Ele sempre gostou do cheiro de lavanda. Em dias de mercado, de comprar produtos de limpeza, essas coisas de casa, ele que nunca pedia nada, o seu único pedido era: – Tem lavanda? Pega o de

Lavanda

Lavanda lembra meu pai. Ele sempre gostou do cheiro de lavanda. Em dias de mercado, de comprar produtos de limpeza, essas coisas de casa, ele que nunca pedia nada, o seu único pedido era: – Tem lavanda? Pega o de

Na manhã azul pássaros fazem folia, é o que basta para um bom dia

Na manhã azul pássaros fazem folia, é o que basta para um bom dia

Água na boca

É sempre assim. Ano após ano. Você chega do nada, não diz nada. Simplesmente reaparece na minha vida. Entra quieto, sem pedir licença e mexe comigo. E como você mexe comigo. E eu não resisto. Embora ano após ano digo

Água na boca

É sempre assim. Ano após ano. Você chega do nada, não diz nada. Simplesmente reaparece na minha vida. Entra quieto, sem pedir licença e mexe comigo. E como você mexe comigo. E eu não resisto. Embora ano após ano digo

Vingando

O que faria se soubesse que fosse morrer agora? Comeria todo seu cacho de amora Jogaria aquela sua coleção ridícula fora Mandaria o seu hamster embora E faria você perder a hora Só pra te namorar agora.

Vingando

O que faria se soubesse que fosse morrer agora? Comeria todo seu cacho de amora Jogaria aquela sua coleção ridícula fora Mandaria o seu hamster embora E faria você perder a hora Só pra te namorar agora.

A terceira margem

Por que cruzar céus e mares em busca de outros bosques, de outras vidas, de outros amores? As palmeiras da minha terra, os sabiás da minha terra dão paz à minha guerra. Um exílio possível já não há O longe

A terceira margem

Por que cruzar céus e mares em busca de outros bosques, de outras vidas, de outros amores? As palmeiras da minha terra, os sabiás da minha terra dão paz à minha guerra. Um exílio possível já não há O longe

Morreu? Morreu. Mas foi por pura maldade contra o desafeto invencionou a derradeira pirraça e obrigar o pobre pedir perdão sobre a sua carcaça Morreu? Morreu. Mas foi só por vaidade só pra ver quem por ele sofreria e em

Morreu? Morreu. Mas foi por pura maldade contra o desafeto invencionou a derradeira pirraça e obrigar o pobre pedir perdão sobre a sua carcaça Morreu? Morreu. Mas foi só por vaidade só pra ver quem por ele sofreria e em

Sentença

“De morte cruel padeceu meu Jesus na cruz”. Foi na segunda mordida no pastel de queijo que a frase veio do nada à cabeça de Tiago. Não foi bem do nada. No meio da feira, onde foi comer pastel com

Sentença

“De morte cruel padeceu meu Jesus na cruz”. Foi na segunda mordida no pastel de queijo que a frase veio do nada à cabeça de Tiago. Não foi bem do nada. No meio da feira, onde foi comer pastel com

A cor negra do céu

O céu é negro de noite e também de dia. O azul é só por causa do espalhamento de Rayleigh. Em dias de sol forte, ela sempre pensava naquela conversa tão comum de época pré-vestibular, tempo em que todos os

A cor negra do céu

O céu é negro de noite e também de dia. O azul é só por causa do espalhamento de Rayleigh. Em dias de sol forte, ela sempre pensava naquela conversa tão comum de época pré-vestibular, tempo em que todos os

Por um triz

Da mesa de dois lugares, ela só ocupava um. Do lado de fora, no canto da calçada, ela assistia ao vem e vai do fim de tarde. Olhou no celular. Faltava exatamente dez para as cinco. Um vento pequeno passou

Por um triz

Da mesa de dois lugares, ela só ocupava um. Do lado de fora, no canto da calçada, ela assistia ao vem e vai do fim de tarde. Olhou no celular. Faltava exatamente dez para as cinco. Um vento pequeno passou

O que vi

Não, não vi. Quer dizer, eu vi, ou melhor, não sei bem o que vi. Não, também não é isso, eu sei muito bem o que vi. É, eu sei. E vi bem, mas não queria ter visto. Tá bem,

O que vi

Não, não vi. Quer dizer, eu vi, ou melhor, não sei bem o que vi. Não, também não é isso, eu sei muito bem o que vi. É, eu sei. E vi bem, mas não queria ter visto. Tá bem,