Amor Fati

Conheci o músico e de sua boca saíram notas dissonantes

Conheci o carpinteiro e de suas mãos saíram corpos desarticulados de madeira

Conheci o poeta e ele sussurrou sobre as ruínas dos jardins suspensos

 

Todos os homens que conheci falavam apenas a língua obcecada do silêncio

Todos eles sábios em dissecar o silêncio, arrancar pedras do silêncio

Todos ignorantes sobre a primazia do riso

E comiam antúrios

E comiam gerânios

E comiam ferrugens

E roíam aço

como se fossem nuvens.

Anúncios

Sobre marciabarbieri

Literatura e artes

  1. gosto muito desse estilo também, Marcita!

  2. Gostei demais! Muito bom!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: