Fragmento Amoroso

Imagem

Estou em um bar com uma amiga. Não direi que as ruas fervilham porque se trata de mais um clichê.

Falo de ti. Eloquentemente. O quanto me mimas. O quão me sinto parte de ti. O que nossas conversas revelam e resvalam, fugindo das verdades que esperam por nós.

Penso em ti. Quero a ti. Lembro de ti inúmeras vezes.

Talvez seja o teu olhar que não cessa, desfiladeiro verde que pretendo vencer sem pressa.
Talvez teu cheiro preso em minha garganta.

Não sei.
Quem sabe nem pretenda saber.

E assim, equilibrando-me em ovos
Os dias passam escondidos
Revoltam-se
E nada me sobra
Nenhuma alma se esforça
Para me ter escondida
Debaixo de sus asa
Senão a tua
Insensatez

Imagem: Lucas Campos

Anúncios

Sobre Setúbal

Setúbal é Luciana Iser Setúbal, nascida em 6 de março de 1974, em Porto Alegre (RS). Professora e redatora/revisora publicitária por formação e experiência, é leitora e escrevinhadora desde a mais imatura idade. Culpa do pai, jornalista, que sempre a incentivou a ler. Deu nisso, uma metida a besta que assume não ter carteira de motorista nem saber nadar, mas que se orgulha de escrever (acredita) muito bem. E que agora, escreve aqui: lsetubal.wordpress.com.

  1. “é dor que desatina sem doer.” Belo texto!!

  2. Lindo lu! Com certeza o sucesso te espera!

  3. Também gosto muito desta tua veia poética.

  4. Aline Viana

    Nossa, super poético, Lu! Lindo mesmo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: