A dor e a razão

foto-PM

Três patas, terminaria o ano com apenas três patas, ainda que cachorros não saibam contar até quatro nem olhar para os lados antes de atravessar a rua, ainda que desconheçam os conceitos de atropelamento e amputação, e o zero seja uma abstração matemática de compreensão inalcançável ao cérebro canino, a cachorra era capaz de sentir o vazio e o desencanto e o descompasso ao claudicar, e ao contrário do que acreditam os incrédulos, a cada noite sonhava ter outra vez quatro patas.

Anúncios

Sobre Rogério Guimarães

Rogério Guimarães nasceu em Santo Antônio da Platina (PR). Gosta de desenhar e tocar violão. Vegetariano não praticante, curte esportes radicais como yoga e tai chi chuan.Busca inspiração para escrever em Pasárgada, Shambhala e na paisagem cosmopaulistana. Participou da antologia de contos Abigail, publicada pela Editora Terracota, e do ebook Geração em 140 Caracteres, editada pela Geração Editorial. Seus próximos livros serão lançados em 2012, se o mundo não acabar.

  1. Pungente. Agudo
    Gostei …

  2. E quem vai dizer que não?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: